Coordenadas geográficas: Longitude

Longitude é a distância angular medida do meridiano de Greenwich ao meridiano do lugar. Varia entre 0º e 180º este ou oeste.
Os lugares situados no meridiano de Greenwich têm longitude de 0º, enquanto que aqueles que estão no meridiano oposto têm 180º de longitude.


Figura 1 – Longitude do lugar.

Fonte: Manual do 7.º ano, Porto Editora.

Coordenadas geográficas: Latitude

Latitude é a distância angular medida do Equador ao paralelo do lugar. Varia entre 0º e 90º norte e sul.
Os pólos são os lugares de latitude máxima, com 90º, enquanto que os lugares que estão sobre o equador têm 0º de latitude.


Figura 1 – Latitude

Fonte: Manual 7.º ano, Porto Editora.

Localização absoluta: Círculos Máximos

Localização absoluta:
Círculos máximos, dividem a Terra em duas partes iguais – os hemisférios.
Círculos menores, dividem a Terra em partes desiguais, paralelos ao Equador e perpendiculares ao eixo da Terra, que a dividem em duas partes desiguais
Equador, círculo máximo, perpendicular ao eixo da Terra, e que a divide em duas partes iguais: o hemisfério norte e o hemisfério sul.
Meridianos, círculos máximos, perpendiculares ao equador, que passam pelos polos. São formados por dois semicírculos opostos, os semimeridianos
• O semimeridiano de Greenwich e o semimeridiano oposto formam o meridiano que divide a Terra em hemisfério ocidental e em hemisfério oriental.


Figura 1 – Meridiano, Círculo Máximo e Círculo Menor, Equador e Paralelo.

Fonte: Manual de Geografia 7.º ano, Porto Editora.

Geografia 7.º Ano – Movimento de Rotação da Terra e Movimento de Translação da Terra

A Terra tem dois movimentos que ocorrem simultaneamente:

– Movimento de Rotação da Terra:
· A rotação consiste no movimento giratório da Terra em torno do seu eixo, uma linha imaginária que passa pelo centro da Terra e que atravessa a superfície desta nos chamados polos Norte e Sul.
· O movimento de rotação da Terra dura 24 horas.
· O movimento de rotação tem como consequência a sucessão dos dias e das noites, assim como a variação da temperatura ao longo do dia.

– Movimento de Translação da Terra:
· A translação é o movimento que a Terra faz ao redor do Sol, num percurso de aproximadamente 950 milhões de quilómetros e que dura 365 dias e 6 horas.
· O movimento de translação explica a sucessão das estações do ano para as nossas latitudes, a desigualdade dos dias e das noites no mesmo lugar e de lugar para lugar e a variação anual da temperatura.

Geografia 10.º Ano – Comunidades Intermunicipais e Áreas Metropolitanas

Comunidades Intermunicipais (CIM) e áreas metropolitanas:
-Desempenham um papel importante no planeamento e promoção do desenvolvimento regional;
-Cabe-lhes a articulação dos investimentos de interesse intermunicipal e a gestão dos fundos comunitários para esse fim.

Legenda:
1 – CIM do Alto Minho
2 – CIM do Cávado
3 – CIM do Ave
4 – Área Metropolitana do Porto
6 – CIM do Tâmega e Sousa
7 – CIM do Douro
8 – CIM da Região de Aveiro – Baixo Vouga
9 – CIM da Região Dão-Lafões
10 – CIM da Serra da Estrela
11 – CIM Comurbeiras
12 – CIM do Baixo Mondego
13 – CIM do Pinhal Interior Norte
14 – CIM do Pinhal Interior Sul
15 – CIM da Beira Interior Sul
16 – CIM do Pinhal Litoral
17 – CIM Médio Tejo
18 – CIM do Oeste
19 – CIM da Lezíria do Tejo
20 – CIM do Alto Alentejo
21 – Área Metropolitana de Lisboa
22 – CIM do Alentejo Central
23 – CIM do Alentejo Litoral
24 – CIM do Baixo Alentejo
25 – CIM do Algarve

Geografia 10.º Ano – Dados das NUTS I, NUTS II e NUTS III

População Residente, em 2011, por NUTS III

Geografia 10.º Ano – NUTS III

NUTS III:
– Alto Minho, Cávado, Ave, Área Metropolitana do Porto, Alto Tâmega, Tâmega e Sousa, Douro, Terras de Trás-os-Montes;
– Região de Aveiro, Região de Coimbra, Região de Leiria, Viseu Dão Lafões, Beiras e Serra da Estrela, Beira Baixa, Oeste, Médio Tejo;
– Área Metropolitana de Lisboa;
– Lezíria do Tejo, Alentejo Litoral, Alto Alentejo, Alentejo Central, Baixo Alentejo;
– Algarve;
– Região Autónoma da Madeira;
– Região Autónoma dos Açores.


Legenda: NUTS III

Geografia 10.º Ano – As Novas NUTS III

– Em 2013 foi concluído o último processo regular de alteração das NUTS europeias que estabelece os limites territoriais de referência para as NUTS, a partir de 1 de janeiro de 2015.

No caso de Portugal, na sequência da aprovação da Lei n.º 75/2013, de 12 de setembro (que aprovou o estatuto da entidades intermunicipais), o Estado Português solicitou à Comissão Europeia um processo de revisão extraordinária da NUTS portuguesas, evocando uma reorganização da estrutura administrativa portuguesa.


Legenda: NUTS III (anteiror a 2015 e composto por trinta sub-regiões) e NUTS III (em vigor desde 2015 e composto por vinte e cinco sub-regiões.)

Geografia 10.º Ano – NUTS II – Norte, Centro, Lisboa, Alentejo, Algarve, Açores e Madeira

As NUT em vigor até janeiro de 2015

NUTS II é formada por sete sub-regiões:

– Cinco sub-regiões em Portugal Continental
· Norte;
· Centro;
· Lisboa;
· Alentejo;
· Algarve.

– Duas sub-regiões localizadas nas Regiões Autónomas
· Açores;
· Madeira.


Legenda: NUTS II – Norte, Centro, Lisboa, Alentejo, Algarve, Açores e Madeira.