Filosofia 10.º Ano – Rede Conceptual da Ação Humana

– A acção humana – análise e compreensão do agir:
• Rede conceptual da acção humana.

Agente, é o autor da acção. Responde à pergunta ” Quem faz? “.
Motivo, é tudo o que é capaz de mover a vontade a agir, é a razão consciente do agir, tornando a acção intencional compreensível. Responde à pergunta ” Porquê? “.
Intenção, curso da acção que alguém pretende seguir ou como o objectivo que guia a acção. Responde à pergunta ” O Quê? “.
Finalidade, é tudo aquilo que activa, orienta e dirige a acção. Muitas vezes é difícil separar a finalidade do motivo. Responde à pergunta ” Para Quê? “.
Deliberação, é o processo de reflexão e de ponderação que, em princípio, antecede a decisão.
Decisão, consiste na escolha de alternativas possíveis em função de determinadas razões e motivações. Mas nem todas as acções são deliberadas, já que, muitas vezes, não há reflexão prévia ao agir.

2 comentários em “Filosofia 10.º Ano – Rede Conceptual da Ação Humana”

  1. Pode-se dizer que a finalidade é o fim último da ação.
    Em conjunto, a intenção, ou seja o propósito da ação, o motivo, ou seja, tudo aquilo capaz que é capaz de mover a vontade a agir, sendo a assim razão consciente do agir, e a finalidade, ou seja, o fim último vão nos levar à criação de um projeto que visa atingir o fim último.
    Após a criação de um projeto dá-se deliberação e a decisão, lembrando que nem todas as decisões passaram pelo processo de deliberação mas que sempre que deliberamos tomamos uma decisão em seguida. Podemos pensar sobre isto como a 3ª lei de Newton, a lei da ação-reação, neste caso, a deliberação leva sempre a uma decisão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *