Filosofia 10.º Ano – John Rawls: Exemplos de Menos Favorecidos, Desigualdades Boas e Incentivos

Situação A – Igualdade estrita
O João e a Teresa sabem que terão uma parte igual no total de bens que produzirem. A quantidade dos bens que produzem é de 200 unidades. O João e a Teresa recebem 100 unidades cada um.

Situação B – Desigualdade gerada por incentivos
A Teresa é muito talentosa e pode produzir muito mais se beneficiar de incentivos. O incentivo fornecido à Teresa é o de receber 175 unidades pelo esforço adicional que assim se espera dela. A quantidade de bens produzidos ascende a 300 unidades. O João recebe 125 unidades, beneficiando da desigualdade gerada através do incentivo concedido à Teresa, que melhorou a eficiência económica.

– Tratar as pessoas como iguais não implica remover todas as desigualdades, mas apenas aquelas que trazem desvantagens para os menos favorecidos. Se dar mais dinheiro a uma pessoa do que a outra promover mais os interesses de ambas do que simplesmente dar-lhes a mesma quantidade de dinheiro, então uma consideração igualitária dos interesses não proibirá essa desigualdade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *