Filosofia 11.º Ano – Thomas Kuhn: Dois Momentos Fundamentais de Progresso no Interior da Ciência

Durante o período de ciência normal:
– O cientista, sem se desviar do paradigma de referência, faz um estudo cada vez mais específico e aprofundado dos fenómenos. A resolução de novos enigmas significa a possibilidade de validar novos resultados sem pôr em causa as teorias do paradigma vigente;

No período das revoluções científicas:
– Nesta altura, ocorrem novas descobertas, que obrigam a mudanças revolucionárias, porque não se ajustam ao paradigma anterior.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *