Economia 10º Ano – Associações e Parcerias Empresariais

Conceitos fundamentais para o tema “Associações e Parcerias Empresariais”:
Concentração Horizontal: concentra as empresas que fabricam o mesmo produto ou que se encontram na mesma etapa do processo produtivo, esta associação de empresas com o mesmo ramo de actividade ou ramos similares, juntam-se para beneficiar da economia escala;
Concentração Vertical: agrupam-se empresas que se complementam umas às outras(apesar de estarem em diferentes etapas do processo produtivo), leva a redução de encargos na aquisição de bens intermédios e baixar os custos de produção;
Concentração Conglomeral (Grupos Económicos): concentração empresarial que congrega num único centro de decisão, diversas empresas, similares ou não( o ponto principal é obter o maior lucro);
Fusão (Trust): associação empresarial da qual resulta uma nova empresa, mas utiliza os processos produtivos das empresas antigas ( utiliza a mão-de-obra, instalações e recusos), esta associação acontece quando a concorrência das grandes empresas é apertada;
Cartel: acordo feito entre várias empresas ou grupos empresariais e destina-se a definir um conjunto de regras que todos acordam para cumprir o mesmo fim, as empresas envolvidas mantem a sua independia financeira e elimina a concorrência;
Aquisição: uma empresa adquire outra e passa a estar sob a alçada da nova empresa, a empresa antiga deixa de existir e passa a fazer pare da empresa que a comprou.

Economia 10º Ano – Mercados de Concorrência Imperfeita

Conceitos básicos para o conteúdo programático “Mercados de Concorrência Imperfeita”:

Monopólio: só tem um vendedor, elevado número de compradores, os preços e as quantidades são fixadas em função do máximo lucro, produtos exclusivos, não existe influência o preço, concorrência nula, produtos exclusivos;
Concorrência Monopolista: grande número de empresas, grande número de compradores, reduzido controlo dos preços dos bens, produtos diferenciados;
Oligopólio: reduzido número de empresas, grande número de cosumidores, muita concorrência, produtos diferenciados, as empresas tem influencia media no preço;

Economia 10º Ano – Mercado de Concorrência Perfeita

Conceitos para o tema “Mercado de Concorrência Perfeita:

Mercado de Concorrência Perfeita: quando existe um elevado número de Vendedores e Compradores e não permite que nenhum deles possa influenciar de forma significativa os preços;
Pressupostos do Mercado de Concorrência Perfeita: atomicidade de mercado (não há influencia no preço), homogeniedade do produto (produtos semelhantes), livre entrada no mercado (podem entrar ou sair livremente), transparência perfeita (livre acesso as informações), mobilidade dos factores (deslocaçao da unidade produtiva);
Formação do preço em concorrência perfeita: preço de cada bem é determinado pelo mecanismo do mercado e da relação da oferta e da procura, eliminação dos factores que perturbam o equilibrio, ponto de equilibrio, quantidade de equilibrio.

Economia 10ª Ano – Procura e Oferta

Conceitos fundamentais da Procura e Oferta:

Mercado: é um local (físico ou não) onde se encontram os vendedores e os compradores de produtos que são comercializados e para os adquirir temos que dispensar algumas unidades monetárias;
Procura: é a quantidade de bens que os compradores estão interessados em adquirir por um determinado preço;
Lei da procura: a quantidade procurada de um bem ou serviço varia na razão inversa do respetivo preço;
Curva da procura: quantidades de um bem ou seviço que os consumidores esrão aptos e dispostos a adquirir a cada preço alternativo, por unidade de tempo;
Factores que influenciam a procura: rendimentos dos consumidores, preferências dos consumidores, dimensão do mercado, preço de outros bens;
Oferta, é a quantidade de produtos que os vendedores desejam vender por um determinado preço;
Lei da oferta: quantidade de um bem ou serviço varia na razão direta do respetivo preço;
Curva da oferta: quantidades de um bem ou serviço que os produtores estão aptos e dispostos a oferecer aos diversos preços alternativos numa unidade de tempo;
Oferta pode ser: individual, agregada;
Fatores que influenciam a oferta: custos de produção, evolução tecnologica, preços de outros bens, expectativas dos produtores, condições climatéricas.

História 11º Ano – Reforço das economias nacionais e tentativas de controlo do comércio

Conceitos fundamentais para o tema “Reforço das economias nacionais e tentativas de controlo do comércio”:
Mercantilismo: doutrina económica vigente entre os séculos XVI e XVIII, no qual a riqueza e o poder de um país assentava na quantidade de metais preciosos de que este dispunha;
Principais medidas do mercantilismo: intervenção do Estado na economia, manufaturas, protecionismo económico, leis pragmáticas, fomento da produção industrial, comércio externo;
Mercantilismo francês: criação de novas industrias, importação de novas técnicas, recurso à mão de obra estrangeira, criação de manufaturas reais, controlo da atividade industrial;
Mercantilismo inglês: atos de navegação, exclusivo colonial, expansão comercial, criação de grandes companhias de comércio;
Disputas das áreas coloniais: Império Espanhol (América e Filipinas), Holanda (Indonésia, Ceilão, África, Guianas holandesas), Inglaterra (Índias, América, África), Império francês (África, Madagáscar, Índia), Império Português (Brasil, Angola, Moçambique, Goa, Damão, Diu).

Fotografias – Astronomy Picture of the Day

Astronomy Picture of the Day, referente ao dia 2 de março é de origem portuguesa. A fotografia foi tirada pelo astro-fotógrafo amador Nuno Serrão, no dia 25 de fevereiro e podemos observar Vénus, Marte e a Lua.
LenticularConjunction_serrao_960

A fotografia em causa retrata a conjugação de três planetas e uma nuvem de forma lenticular, uma formação nublosa que é parecida a um Objecto Voador Não Identificado, razão para ter sido escolhida.

Fonte: P3

Geografia 10º Ano – Ciclo hidrológico

Conceitos fundamentais do tema “Ciclo hidrológico” da Unidade “Os recursos hídricos”. Esta unidade está dividida em temas para uma melhor compreensão e estudo.

Ciclo hidrológico: processo de circulação contínua da água entre os oceanos, a atmosfera e os continentes, por efeito da energia solar, que permite a passagem da água de um estado físico a outro;
Condensação: mudança do estado gasoso para o estado líquido;
Evaporação: mudança do estado líquido para o estado gasoso;
Evapotranspiração: evaporação das águas superficiais, da água libertada pela respiração e pela transpiração dos seres vivos.;
Escorrência: escoamento difuso das águas sobre a superfície terrestre;
Infiltração: penetração de água no solo, proveniente da chuva ou da fusão da neve ou gelo;
Pluviosidade: quantidade de chuva que cai por unidade de superfície;
Humidade absoluta: quantidade de vapor de água existente numa unidade de volume de ar (metro cúbico);
Humidade relativa: relação entre a quantidade de vapor de água existente num dado volume de ar a uma determinada temperatura e a quantidade máxima de vapor de água que esse volume de ar pode conter;
Ponto de saturação: quantidade de vapor de água que o ar pode conter a uma determinada temperatura;
Vapor de água: água no estado gasoso.

Ciclo hidrológico e circuitos do ciclo hidrológico
ExplicaçõesGeografia_CicloHidrologico
Fonte: Fazer Geografia – Porto Editora

Economia 10º Ano – A moeda única, o Euro

Conceitos essenciais para o tema “A moeda única – o Euro” referente à Unidade 4 “Comércio e Moeda”:

Tratado de Maastricht: conhecido como Tratado da União Europeia, consagrou a adoção da moeda única;
Zona Euro: composta por 17 dos 28 países que formam a União Europeia;
Entrada em vigor: como moeda escritural a 1 de janeiro de 1999, como papel-moeda a 1 de janeiro de 2002;
Critérios de convergência: estabilidade dos preços, taxas de juro a longo prazo, défice orçamental, dívida pública, estabilidade cambial;
Vantagens: reforços da união entre paises e cidadãos, eliminação dos riscos cambiais, redução dos custos das transações cambiais, facilidade de comparação de preços nos diversos países da zona euro, comércio internacional, transparência de mercados, turismo;
Desvantagens: perda de algumas competências dos bancos centrais e autoridades nacionais, Pacto de Estabilidade e Crescimento limita a ação governativa.