Filosofia 11.º Ano – Falácia da Derrapagem ou Bola de Neve

Falácias Informais:

– Falácia da Derrapagem ou Bola de Neve, é a falácia cometida sempre que alguém, para refutar uma tese, apresenta, pelo menos, uma premissa falsa ou duvidosa e uma série de consequências progressivamente inaceitáveis.

Filosofia 11.º Ano – Exemplos: Falácia de Ataque à Pessoa (Ad Hominem)

Exemplos de Falácias Informais: Falácia Ataque à Pessoa (Ad Hominem)

– A tua tese não tem qualquer valor, porque és um ex-presidiário.

– Sartre estava errado a respeito do ser humano, porque não ia regularmente à missa.

Filosofia 11.º Ano – Falácia de Ataque à Pessoa (Ad Hominem)

Falácias Informais:

– Falácia de Ataque à Pessoa (Ad Hominem), é a falácia que se comete quando, em vez de se atacar ou refutar a tese de alguém, se ataca a pessoa que a defende.

Filosofia 11.º Ano – Exemplos: Falácia do Apelo à Ignorância

Exemplos de Falácias Informais: Falácia de Apelo à Ignorância

– A alma é imortal. Na verdade, ninguém, provou que a alma morre com o corpo.

– Já que não há dúvidas, é porque todos estão muito bem preparados para fazer um teste.

Filosofia 11.º Ano – Falácia do Apelo à Ignorância

Falácias Informais:

– Apelo à Ignorância, é a falácia que em cada uma proposição é tida como verdadeira só porque não se provou a sua falsidade ou como falsa só porque não se provou que é verdadeira.

Filosofia 11.º Ano – Exemplos: Falácia do Falso Dilema

Exemplos de Falácias Informais: Falácia do Falso Dilema

– Ou votas no partido x ou será a desgraçada do pais.

– Ou estudas muito ou serás um fracassado na vida.
Não estudas muito.
Logo, serás um fracassado na vida

Filosofia 11.º Ano – Falácia do Falso Dilema

Falácias Informais:

-Falácia do Falso Dilema, é a falácia que consiste em reduzir as opções possíveis a apenas duas, ignorando-se as restantes alternativas. Trata-se, portanto, de extrair uma conclusão a partir de uma disjunção falsa.

Filosofia 11.º Ano – Exemplos: Falácia da Petição de Princípio

Exemplos de Falácias Informais: Falácia da Petição de Princípio

– Tudo o que a Bíblia diz é verdade, porque foi escrita por inspiração divina.
A Bíblia diz que Deus existe.
Logo, Deus existe

– Andar a pé é um desporto saudável.
Logo, andar a pé é um desporto que faz bem à saúde.

Filosofia 11.º Ano – Falácia da Petição de Princípio

Falácias Informais:

– Falácia da Petição de Princípio, é a falácia que consiste e, assumir como verdadeiro aquilo que se pretende provar.

Filosofia 11.º Ano – Falácias Informais

Falácias Informais, são argumentos inválidos, aparentemente válidos, mas cuja a invalidade não resulta de uma deficiência formal, antes decorre do conteúdo do argumento da sua matéria, da linguagem natural comum usada nesses argumentos.

As principais falácias são:

– Petição de Princípio.
– Falso Dilema.
– Apelo à Ignorância
– Ataque à Pessoa (Ad Hominem).
– Derrapagem ou Bola de Neve.
– Espantalho ou Boneco de Palha.
– Causa Falsa,(Post Hoc, Ergo Propter Hoc).
– Apelo à Força (Ad Baculum).
– Apelo à Misericórdia (Ad Misericordiam).