Exame Nacional de Geografia 2021 – 2.ª Fase – População, Crescimento Demográfico, Crescimento Efetivo, Saldo Migratório, Taxa de Natalidade, Taxa de Mortalidade, Emigração, Imigração

Exame Nacional de Geografia 2021 – 2.ª Fase – Versão 1
Questão 1

1. As flutuações da população residente nos últimos anos resultam do comportamento das variáveis demográficas e das políticas económicas e sociais.
A Figura 1A representa o crescimento demográfico, em Portugal, por NUTS II, em 2019, e a Figura 1B representa o saldo migratório, em Portugal, no período de 2009 a 2019.

1.1. Identifique as duas afirmações verdadeiras, recorrendo à análise das Figuras 1A e 1B.
I.  Na A. M. Lisboa, o crescimento demográfico refletiu o elevado número de imigrantes, relativamente
ao número de emigrantes, e um número de nascimentos superior ao número de óbitos.
II. Em 2019, o valor do crescimento efetivo registado na R. A. Açores corresponde à diferença entre o saldo natural e o saldo migratório.
III. Em 2019, as NUTS II Alentejo e Algarve foram as que menos contribuíram para o crescimento demográfico do país.
IV. O valor do saldo migratório diminuiu entre 2009 e 2012, porque a emigração permanente foi sempre superior à imigração permanente.
V. Os anos que registaram um saldo migratório mais baixo foram 2015 e 2016.

1.2. A região da NUTS II que registou uma mortalidade inferior à natalidade, de acordo com a Figura 1A, foi
(A) R. A. Madeira.
(B) Centro.
(C) Algarve.
(D) A. M. Lisboa.

1.3. O crescimento demográfico por NUTS II, observado na Figura 1A, reflete-se no território nacional, por
(A) acentuar a polarização demográfica.
(B) atenuar a metropolização.
(C) acentuar a dispersão demográfica.
(D) atenuar a litoralização.

1.4. De acordo com a Figura 1B, os valores do saldo migratório registados entre 2011 e 2016 permitem inferir que ocorreu
(A) um decréscimo do índice de dependência total.
(B) um crescimento efetivo negativo da população.
(C) uma subida significativa do êxodo rural.
(D) uma diminuição da população ativa nacional.

1.5. As migrações influenciam diretamente o dinamismo empresarial de Portugal.

Considere os seguintes cenários:
A – aumento da imigração com reduzida qualificação e aumento da emigração qualificada;
B – aumento da imigração qualificada e redução da emigração qualificada.

Selecione um dos cenários, A ou B. Apresente duas consequências que o cenário escolhido terá no dinamismo empresarial do país, justificando a sua resposta.

Correcção: Aqui
Fonte: Iave, consultado a 15 de setembro de 2021

Exame Nacional de Geografia 2021 – 1.ª Fase – Fixação da População, Envelhecimento Demográfico

Exame Nacional de Geografia 2021 – 1.ª Fase – Versão 1
Questão 8

6. A existência do Instituto Politécnico da Guarda, identificado na Figura 4, pode constituir um importante agente de desenvolvimento.
Justifique, referindo dois aspetos, como a fixação de unidades de ensino superior contribui para o desenvolvimento dos territórios onde se inserem.

7. O envelhecimento demográfico do interior do país pode ser contrariado através de medidas como
(A) a redução do custo de portagens aplicadas aos veículos de transporte coletivo de passageiros.
(B) a aposta nos serviços de apoio geriátrico, para melhorar a qualidade de vida dos idosos.
(C) a atribuição de subsídios a empresas que assegurem o emprego qualificado de longa duração.
(D) a criação de postos de trabalho sazonal, que atraiam a população jovem ativa emigrante.

Correcção: Aqui
Fonte: Iave, consultado a 15 de setembro de 2021.