Economia 10.º Ano – Soluções de Questões de Exame Nacional: Unidade 6 – Rendimentos e repartição dos rendimentos

Exame Nacional de Economia A
Rendimentos e repartição dos rendimentos

Soluções das Questões de Escolha Múltipla:

1. Em 2014, num dado país, a taxa de variação anual do Índice de Preços no Consumidor (IPC) foi positiva e superior à taxa de variação anual do salário nominal das famílias. Considerando-se tudo o resto constante, podemos afirmar que, nesse país, em 2014, se verificou

(A) uma redução do salário real das famílias.
(B) um aumento do poder de compra das famílias.
(C) uma valorização da moeda.
(D) um processo de deflação.

2. O leque salarial, medido pelo quociente entre o salário máximo e o salário mínimo pagos por uma empresa, é um indicador que permite

(A) analisar a desigualdade na remuneração do trabalho nessa empresa.

(B) analisar o efeito da inflação no aumento dos salários nessa empresa.
(C) calcular o valor médio do salário bruto nessa empresa.
(D) calcular o valor da remuneração do capital nessa empresa.

3. Considere que, em 2015, numa dada empresa, o leque salarial, medido pelo quociente entre o salário máximo e o salário mínimo, foi 10. Em 2016, nessa empresa, se todos os salários forem aumentados em 20%, o leque salarial será

(A) igual a 10.
(B) igual a 12.
(C) superior a 10 e inferior a 12.
(D) superior a 8 e inferior a 10

4. O Quadro 4 apresenta a repartição do rendimento num dado país, em 2012. Suponha que esse país é constituído apenas por três famílias, A, B e C.

Então, da observação do Quadro 4, podemos concluir que, nesse país, em 2012, o peso das remunerações do fator

(A) capital no total dos rendimentos do país foi 7,2%.
(B) trabalho no total dos rendimentos do país foi 88,1%.
(C) trabalho da família B no total dos rendimentos do país foi 43,8%.
(D) capital da família B no total dos rendimentos do país foi 5,1%.

5. O Gráfico 1 apresenta, através das curvas de Lorenz, a repartição pessoal do rendimento no país A e no país B, em 2013.

Os valores apresentados no Gráfico 1 permitem-nos concluir que, em 2013,

(A) os 30% da população do país A com rendimentos mais elevados receberam 60% do rendimento do
país.
(B) os 10% da população do país A com rendimentos mais elevados receberam uma maior percentagem
do rendimento nacional do que os 10% da população do país B com rendimentos mais elevados.
(C) os 10% da população do país B com rendimentos mais elevados receberam 40% do rendimento do
país.

(D) os 30% da população do país B com rendimentos mais elevados receberam uma menor percentagem do rendimento nacional do que os 30% da população do país A com rendimentos mais elevados.

Soluções da Questão de Desenvolvimento:

1. Leia o texto que se segue.
Os rendimentos de uma economia de mercado são distribuídos aos proprietários dos fatores
de produção, constituindo as componentes do rendimento primário.
Samuelson e Nordhaus, Economia, Lisboa, McGraw-Hill,1999, p. 210 (adaptado)

1.1 – Indique duas das componentes do rendimento primário.
R: lucros, rendas, juros e salários (ordenados ou vencimentos).

Fonte: IAVE, consultado a 04 de março de 2018

Economia 10.º Ano – Questões de Exame Nacional: Unidade 6 – Rendimentos e repartição dos rendimentos

Exame Nacional de Economia A
Rendimentos e repartição dos rendimentos

Questões de Escolha Múltipla:

1. Em 2014, num dado país, a taxa de variação anual do Índice de Preços no Consumidor (IPC) foi positiva e superior à taxa de variação anual do salário nominal das famílias. Considerando-se tudo o resto constante, podemos afirmar que, nesse país, em 2014, se verificou

(A) uma redução do salário real das famílias.
(B) um aumento do poder de compra das famílias.
(C) uma valorização da moeda.
(D) um processo de deflação.

2. O leque salarial, medido pelo quociente entre o salário máximo e o salário mínimo pagos por uma empresa, é um indicador que permite

(A) analisar a desigualdade na remuneração do trabalho nessa empresa.
(B) analisar o efeito da inflação no aumento dos salários nessa empresa.
(C) calcular o valor médio do salário bruto nessa empresa.
(D) calcular o valor da remuneração do capital nessa empresa.

3. Considere que, em 2015, numa dada empresa, o leque salarial, medido pelo quociente entre o salário máximo e o salário mínimo, foi 10. Em 2016, nessa empresa, se todos os salários forem aumentados em 20%, o leque salarial será

(A) igual a 10.
(B) igual a 12.
(C) superior a 10 e inferior a 12.
(D) superior a 8 e inferior a 10

4. O Quadro 4 apresenta a repartição do rendimento num dado país, em 2012. Suponha que esse país é constituído apenas por três famílias, A, B e C.

Então, da observação do Quadro 4, podemos concluir que, nesse país, em 2012, o peso das remunerações do fator

(A) capital no total dos rendimentos do país foi 7,2%.
(B) trabalho no total dos rendimentos do país foi 88,1%.
(C) trabalho da família B no total dos rendimentos do país foi 43,8%.
(D) capital da família B no total dos rendimentos do país foi 5,1%.

5. O Gráfico 1 apresenta, através das curvas de Lorenz, a repartição pessoal do rendimento no país A e no país B, em 2013.

Os valores apresentados no Gráfico 1 permitem-nos concluir que, em 2013,

(A) os 30% da população do país A com rendimentos mais elevados receberam 60% do rendimento do
país.
(B) os 10% da população do país A com rendimentos mais elevados receberam uma maior percentagem
do rendimento nacional do que os 10% da população do país B com rendimentos mais elevados.
(C) os 10% da população do país B com rendimentos mais elevados receberam 40% do rendimento do
país.
(D) os 30% da população do país B com rendimentos mais elevados receberam uma menor percentagem do rendimento nacional do que os 30% da população do país A com rendimentos mais elevados.

Questão de Desenvolvimento:

1. Leia o texto que se segue.
Os rendimentos de uma economia de mercado são distribuídos aos proprietários dos fatores
de produção, constituindo as componentes do rendimento primário.
Samuelson e Nordhaus, Economia, Lisboa, McGraw-Hill,1999, p. 210 (adaptado)

1.1 – Indique duas das componentes do rendimento primário.

Fonte: IAVE, consultado a 20 de junho de 2017

Economia 10º Ano – Rendimentos e repartição dos rendimentos

Repartição dos rendimentos: é a forma como os rendimentos são distribuidos pelos vários agentes;
Rendimento do trabalho: é o salário (nominal, real, ilíquido, liquido);
Rendimento do Capital: rendas, juros, lucros;
Principais disparidades na repartição dos rendimentos: fator capital, famílias que acumulam vários tipos de rendimentos, diferenças salariais, disparidades regionais, disparidades em função do género;
Leque salarial: é o quociente entre o salário minimo/salário máximo;
Curva Lorenz: a reta representa a igual distribuição dos rendimentos, a curva representa a desigualdade da distribuição do rendimento, quanto maior o seu afastamento perante a recta, maior a desilgualdade;
Rendimento per capita: indicador do nível médio de rendimento de uma população que é calculado através do quociente entre o Rendimento Nacional e o número de individuos que compõem essa população;
Rendimento pessoal disponível:somatório dos rendimentos primários (salários, juros, rendas, lucros) e dos rendimentos secundários (transferências internas, transferênciass externas) e retiramos os impostos e quotizações sociais